José Paulo Fafe

Um secretário de Estado que é um alarve

APESAR DE novinho, o secretário de Estado Marcos Perestrello já devia ter idade para se portar como um homenzinho. E depois do jornal “Sol” ter divulgado o seu vergonhoso e alarve comentário numa conversa telefónica mantida com um seu amigo e camarada (e onde fez “chacota” à custa dos muitos milhares de desempregados que existem neste País…), só lhe restava ter a decência de, por motu próprio, apresentar a sua renúncia do cargo que ocupa no Ministério da Defesa e publicamente pedir desculpa a tantos que porventura passam no dia-a-dia as dificuldades de quem tem de sustentar uma casa sem ter um trabalho e um salário. Ao não fazê-lo, porta-se pura e simplesmente como um energúmeno! Tal e qual…

2 ComentáriosDeixe um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *