José Paulo Fafe

Um ovo de colombo…

NO BRASIL, o uso indevido dos carros de função atribuídos às principais autoridades (ministros, secretários de Estado, governadores, senadores, juízes, procuradores, etc.) é alvo de uma fiscalização contínua por parte da opinião pública. Como? Fácil… As viaturas em causa estão perfeita e individualmente identificadas com os cargos oficiais desempenhados por quem nele é transportado e começa a ser difícil ir deixar as crianças ao colégio, passear ao fim-de-semana ou andar na boa-vaiela… Como Pedro Passos Coelho quer acabar com esse velho “forrobódó”, aqui está uma boa solução. E não me venham com o argumento dos riscos para a segurança de um membro do governo ou ourro juíz ou procurador porque quem é considerado como “potencial alvo” pelas análise que é sistematicamente efectuada pelas autoridades tem direito a escolta policial. Uma coisa não tem a ver com a a outra…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *