José Paulo Fafe

A troika desmancha-prazeres…

CUSTA-ME A perceber porque é que insistem em denominar Joe Berardo como “empresário” e não pela verdadeira ocupação que ele possui – a de especulador. A propósito: ninguém me tira da cabeça que, agora com a troika a abrir tudo o que é gaveta, Berardo estará em muito piores lençóis que o seu conterrâneo Alberto João Jardim. Pois é…

6 ComentáriosDeixe um comentário

  • Amigo ZPF
    Joe é isso. Joe.
    Joaquim?João?José?Joselito?
    Não é que tenha simpatia pelo “Comendatore” mas com todos os mercados internacionais a especular, o mesmíssimo BCE ( B Central Europeu ) do velho caduco Crochet, opsss Trichet com a ajuda da Vice-Presidência do cabeludo de um “Ginger” tão natural como a “permanente” que usa, Constâncio, na insistência dum Euro inflacionado, até mais não poder, em favor a um “Marco-2” que a culona do “eu quero, posso e mando” deseja …….e que desgraça todo o resto dos Países como o nosso que NECESSITAM um euro estável mas barato para podermos vender os nossos produtos e reverter a posição de exportação/importação para muito da 1ª e pouco da 2ª…….
    Os meus olhos vão para a Madeira sim, e com pena, pois eu admirava Alberto João…e apanhei uma desilusão tremenda…
    Hoje mesmo comentei no blog do que foi PM, PSL sobre isso e para poupar tinta….aqui fica:

    “maria lisboa…. disse…
    Lápide……
    É extraordinário o que se ouve e vê na Madeira.
    Sempre achei um piadão e uma graça distinta ao Dr. Alberto João Jardim.
    A forma como fazia política, como sempre ganhou as eleições há 3 décadas, de como tratava a cambada marginal do PS que se instalou no Partido Socialista, que o levou ao limite do legal e que conseguindo enganar o movimento “lenço preto” chegou ao Governo encabeçado pelo maior desgraçado que jamais consegui chegar tão longe neste País e que ainda anda por aí à solta.
    Alberto João era diferente, era engraçado.
    Comecei a desconfiar da sua atitude depois de o ver agarrado ao Zé da Covilhã quando o mesmo foi lá fazer Teatro aquando das últimas enxurradas e prometer milhões para as obras das casas destruídas. ( chamo já agora a atenção que NADA foi feito a não ser o que se pode ver no Funchal. Tudo o resto no interior foi esquecido e as famílias ainda a viver em Hotéis, Pensões ou em casa de familiares )
    Achei que Alberto João tinha chegado ao limite da hipocrisia, mas…… Do Zé esperava-se tudo.
    Hoje depois de ouvir da boca do Dr. Jardim que por culpa “do Sócrates e do Teixeira dos Santos” e dessa mania de não o deixarem gastar dinheiro á grande e à Francesa, teve que
    “não mostrar o “jogo” todo”…. Fiquei estupefacta!
    “o jogo”. Uma linguagem indigna para um político que ainda por cima é Presidente duma Região Autónoma. ( as mesmas que deviam acabar!!!é um foco de problemas e um Parlamento gasta mais por mês que vários Ministérios…Para que Deputados? Assessores? Secretárias? carros? motoristas? Viagens? Já alguêm parou para pensar que um Governador e duas secretárias gastam MUITO menos e fazem o mesmo trabalho? Pelo menos eram só 3 a fazer negócios….pois.
    Má-língua? Essa agora!? Até parece que não tenho razão.)
    Ouvi então a confissão de que realmente “escondia” e fazia desaparecer contas e dívidas para que o Estado não soubesse. É uma confissão feita em directo, para as televisões nacionais de que cometeu um crime, uma ilegalidade tremenda. Nem queria acreditar.
    Nem me atrevo a dizer mais em memória da admiração que tive durante décadas pelo Dr. Jardim….Ficou-me por aqui.

    ps
    “lenço preto”: aquelas velhas que são milhares e votam……
    As que chamam “Senhor Ministro” a Jerónimo de Sousa, passam pelo Cavaco e “acham” que é “alguém conhecido”, que dão os Parabéns a Seguro por ter chagado a PM…e nós…nós estamos nas mãos dessa gente

    Domingo, Setembro 18, 2011 2:16:00 PM ”

    Pois é…. 🙁

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *