José Paulo Fafe

Três tristes criaturas…

MAIS UM debate, desta vez entre José Pedro Aguiar-Branco e Paulo Rangel e a mesma sensação de pena pelo estado a que chegou aquele que foi o mais dinâmico e arejado partido português, hoje palco de uma luta pelo poder entre três desastradas e tristes criaturas cujos horizontes se restringem aos lugares comuns e à pobreza de espírito que os caracterizam. Dá pena, para não dizer vergonha…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *