José Paulo Fafe

Paulo Portas: mais um "número"…

O DESESPERO de Paulo Portasé evidente. Depois daquela rábula do Verão do ano passado e que lhe custou definitivamente a auréola que ainda gozava em certos sectores da direita portuguesa, o líder de um visivelmente definhado e acabrunhado CDS tenta a todo o custo recuperar alguma da pouca credibilidade que já possuiu. E para isso deita mão a todos os artifícios e “números” que se possa imaginar, num afã obsessivo em colocar-se na ponta dos pés e surgir aos olhos dos portugueses como o arauto da defesa dos seus direitos. Haja vergonha, que é coisa que há muito o líder centrista não tem – se é que alguma vez a teve… Como é que alguém que foi co-responsável pelo maior ataque de sempre ao bolso dos portugueses, pode agora, qual lobo-mau travestido de capuchinho vermelho, vir a terreiro de mansinho defender uma política fiscal contrária à do governo de que ele é vice primeiro-ministro?! Há limites para tudo, até para o descaramento!

2 ComentáriosDeixe um comentário

  • Caro JPF, eu nunca votaria Paulo Portas, mas que ele é esperto, disso tenho a certeza.
    Quanto aos roubos, como dizem os “PCs” quero lembrar-lhe que estamos a receber salários e pensões a fiado. Não culpe este governo porque a desgraça já vem de trás.
    Quando faltar a massa estou cá para ver quem se chega à frente.
    Para já só vejo pedintes do dinheiro alheio.
    Cumprimentos

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *