José Paulo Fafe

Os “profissionais do facebook”

HÁ POR aí uns “profissionais do facebook” que, nos intervalos de mostrarem a sua sanha – com palavras e imagens, muitas vezes descontextualizadas – contra o actual governo (a tal ponto que chegam a perder alguma razão que até podiam ter…), não deixam escapar a oportunidade para tecer loas e hossanas a José Sócrates, porventura esquecidos das muitas diabruras e malfeitorias que ele e a sua trupe foram fazendo ao longo de seis anos de governação. Hoje foi um desses dias, com o anúncio da abertura em Évora de duas fábricas da empresa de aviação brasileira Embraer e que, se tudo correr bem, poderão vir a gerar 600 empregos – uma negociação levada a cabo pelo antigo governo e que pelos vistos deu (e ainda bem!) frutos.  Mas o sectarismo e o radicalismo algo serôdios são de tal ordem que esses seguidores “xiitas” de Sócrates não conseguem “postar” a notícia sem “embrulhá-la” num contexto no mínimo, para não dizer outra coisa, ridículo. Um deles (desses “xiitas”) e que até é uma pessoa estimável, escreveu hoje à tarde em maiúsculas carregadas de uma raiva desmesurada: “Agora digam mal do Sócrates. Um dia a História o julgará!“. Coitados… Eles ainda não perceberam duas coisas: a primeira, que há quem, mesmo tendo sido opositor de Sócrates, consegue apontar e reconhecer virtudes aos seus executivos; e a outra, que o antigo primeiro-ministro, como qualquer outro que esteja no seu lugar, não fez mais que a sua obrigação… É que ele estava lá era para isso mesmo. Ou será que não?

3 ComentáriosDeixe um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *