José Paulo Fafe

O novo estilo de Durão


MUITO SINTOMÁTICA esta nova postura de Durão Barroso, agora mais interventivo, actuante, não perdendo uma chance para aparecer. Contrariamente à que adoptou durante os últimos meses e em que perante uma iminente débacle da Europa, preferiu o silêncio, o recato do seu gabinete e até alguma (para não dizer muita…) apatia perante a desconsideração política e pessoal que é alvo por parte de quem se consideram os verdadeiros “donos” da Europa. Depois de um  surpreendente discurso perante o Parlamento Europeu, de receber a chanceler Merkl na sede da Comissão sem ir ao “beija-mão” a Berlim, veio agora uma espécie de arrependimento via “YouTube” no que diz respeito ao muito que poderia ter feito e ao pouco que fez na crise que vive o nosso continente. Será que a abertura da “corrida” à sucessão de Cavaco, precipitada por aquela espécie de anúncio que Marcelo Rebelo de Sousa fez durante a recente entrevista ao jornal “i”, tem alguma coisa a ver com isso? Ou será apenas uma coincidência?

1 comentárioDeixe um comentário

  • Estimado Zé Paulo
    Como tinha até comentado já num blog de outro amigo, o que me preocupa é o candidato da podre “esquerda de champagne”…que pode muito bem ser o Senhor José S. Sousa que anda a estudar muito em Paris.
    Isso sim seria uma desgraça, uma vergonha mesmo, mas muito possível.
    Num País como o nosso em que como li agora mesmo, as pessoas nem sabem quem é quem, quanto mais em quem estão a votar, tudo é possível, como foram possíveis 6 anos de ruína política, económica e social que levará décadas a consertar. ( tento ter muita esperança…claro )
    On veras….Esperemos que seja só uma preocupação que não venha a dar em nada….

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *