José Paulo Fafe

O candidato do "sistema"


O CANDIDATO que, através do líder da oposição, o “sistema” acabou de lançar na “corrida” à Presidência da República tem tudo, mas mesmo tudo, o que o dito “sistema” quer e exige para ser condignamente “representado”. Em primeiro lugar pertence a um dos partidos do “blocão”, esse verdadeiro “polvo” de interesses e negociatas que tem estendido os seus tentáculos sobre a sociedade portuguesa nos últimos anos; depois e para quem se lembre da UEDS, o seu percurso político, possui uma oportuna e sempre bem-vista passagem por águas esquerdistas; em terceiro lugar, andou por Macau (o que dá sempre jeito); a seguir, pertence a uma das “grandes superfícies” de advocacia e acumula uma infindável de cargos não-executivos na banca e em grandes empresas nacionais; e em quinto lugar, é maçon. Ah, é verdade! A personagem em causa chama-se António Vitorino

1 comentárioDeixe um comentário

  • e como o próprio dizia “não há festança sem D.Constança”.
    Tenho,contudo, muita dificuldade em acreditar que ele avance.
    Porque AV sendo tudo que dizes tem uma outra característica que considero impeditiva: Adora dinheiro!
    E a tabela salarial da presidência da república para ele são peanuts.
    Agora que vai deixar o assunto rolar isso vai. É publicidade gratuita que lhe fazem

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *