José Paulo Fafe

Nada mais que a sua obrigação…


LEIO EM inúmeros posts no Facebook encomiásticos comentários ao facto do presidente da Câmara Municipal de Lisboa ter publicamente apresentado desculpas pelo caricato e revelador episódio da bandeira nacional que foi içada ao contrário nas cerimónias oficiais que decorreram nos Paços do Concelho. E li de tudo: “uma atitude nobre“,  “uma postura notável“, “um gesto de grande elevação” e uma série de elogios do género. Fiquei de boca-aberta… Então estavam à espera de quê?! Que António Costa não fizesse mais do que a sua obrigação?! É isso que é “nobre”, “notável” ou de “grande elevação”?! Assumir o erro de que ele é, por inerência de funções, o principal responsável?! De facto, no nosso País as pessoas começam a perder a noção do quer que seja… Ou então, como diz alguém que eu conheço, “anda tudo a ouvir vozes“…

1 comentárioDeixe um comentário

  • Amigo ZPF
    Eles falam da “elevação” da Bandeira ao ser “notável” a aberração da Câmara da Capital do País que ainda por cima festejava O ÚLTIMO feriado do 5 de Outubro ter tais “abéculas” a organizar aquilo. Se eu fosse PR e me pusessem uma bandeira nacional para eu içar e estivesse ao contrário, rolavam cabeças e muitas.Por cá “tudo numa boa”……….

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *