José Paulo Fafe

La Palisse não diria melhor…

ACEITAM-SE apostas sobre a identidade do autor desta profundíssima reflexão, até porque nestes tempos mais penosos uma gargalhada não faz mal a ninguém: “Portugal terá um ano extraordinariamente difícil, independentemente da evolução da crise política, tendo obrigatoriamente de adoptar um plano de austeridade que possa ser monitorizado pelas instituições que acompanham a economia portuguesa. Uma ajuda: o autor é um politicamente saltitante economista, foi recentemente “enxotado” do inner circle de um jovem líder partidário, é ligado a um banco cabo-verdiano(!!!) com nome de pedra de adorno e… é de ir aos prantos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *