José Paulo Fafe

Isto está bonito, está…

HÁ UMAS semanas atrás tive oportunidade de presenciar o momento em que, num local público e de grande afluência, um ministro prestava declarações a inúmeros repórteres de televisão, rádio e imprensa. Postado a cinco ou seis metros do ajuntamento formado à volta do governante, comecei a prestar atenção à postura e comentários de quem passava e que nem sabendo o que ali ocorria nem que ministro ali estava, não poupava insultos e impropérios ao governante em causa. Hoje, junto à ciclovia do Guincho, a Câmara Municipal de Cascais promoveu uma cerimónia (aparentemente o  mais simples possível) para – vim a saber mais tarde – assinalar a entrada em utilização de umas bicicletas eléctricas que são carregadas por painéis solares e que se destinam a ser emprestadas a quem as quiser utilizar nessa ciclovia. No outro lado da estrada, cruzei-me com um indivíduo que, estático e olhando fixamente para o evento que decorria a 15 ou 20 metros, me interpelou: “Isto com uma caçadeira é que era bom! Limpava-os a todos…“. Não resisti e perguntei-lhe quem era que estava do outro lado da estrada e a quem ele desejava tanto mal. Resposta pronta e bem sintomática do estado geral do energúmeno em causa: “Sei lá, mas são chulos de certeza!“. Isto está bonito, está…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *