José Paulo Fafe

Homessa, dr. Capucho…

ANTÓNIO CAPUCHO (por quem, como já aqui escrevi, tenho profunda estima e a quem Cascais muito deve, realçe-se) que me desculpe, mas esta sua decisão de encabeçar uma lista à Assembleia Municipal de Sintra não lembra nem ao careca. E não é por ser numa candidatura concorrente à do PSD, longe disso. O antigo presidente da Câmara de Cascais até podia ser candidato nas listas do seu próprio partido no concelho vizinho, que para mim ia dar ao mesmo. Ou seja, falando claro: a bota não bate (mesmo) com a perdigota. Ao fim de doze anos como presidente em Cascais, candidata-se agora à Assembleia Municipal em Sintra?! Sinceramente não entendo, por muito que tente não consigo perceber. Ainda por cima vindo de alguém que sempre pautou a sua carreira política por uma postura eticamente irrepreensível e pouco dada a estes “números” mediáticos. “Número” este que, quer ele queira quer não, retira-lhe toda e qualquer autoridade para, como ele tanto gosta, surgir publicamente como paladino de uma certa ética e moral políticas. Desculpe lá dr. Capucho, mas desta vez, não sei mesmo o que lhe diga…

1 comentárioDeixe um comentário

  • Cão que não conhece o seu dono.Sem o partido era igual ou menos que muitos milhares com mais inteligência e andam a bater com cabeça na parede. Ressabiado apenas.Só mostra que é menos que os seus pares.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *