José Paulo Fafe

É para levar a sério?

ESTA ESTRANHA troca de acusações, insinuações e sabe-se lá o que mais entre os assessores de Belém e S. Bento não tem pés nem cabeça, até porque só um “tontinho” (para não dizer outra coisa…) é que pode levar a sério uma notícia que veio à estampa num jornal cuja audiência (e nem vou para aqui falar de credibilidade) não conta rigorosamente para nada. Mais: em Belém, entre aquelas “luminárias” todas (a começar pelo ziguezagueante Espada) ninguém ainda percebeu que este “folhetim” só favorece o primeiro-ministro e o governo? No mínimo, estranho…

3 ComentáriosDeixe um comentário

  • Eu também já ouvi muitas conversas telefónicas, será que andam a confundir “a escuta” com conversa? ou conversa com aparelhos auditivos? ou aparelhos auditivos com telefones? Quem são os moucos? ou os cegos?
    Está tudo é brincar á escondidas como eu, e isso divertido e despista…
    E você, que tal?

  • Caríssimo Zé Paulo
    Num país em que só a direita reclamada e exposta está toda arguida,re-arguida e requetetepeté-arguida em tudo quanto há…”ele” é abuso de poder (telefonar aos Jornalistas a ameaçar,não o é)”ele” é atribuição de casas da Câmara ( dos últimos 20, 16 anos a CML foi de auto-chamada,que de nada tem, esquerda e portanto podemos imaginar a quantidade de casas atribuidas por eles )enfim,estaria aqui toda a noite “you name it” diria Lady Wendy em Oxford e “the others” nada lhes acontece,estão livres..”Free” pois….”FREE” Isto é uma alegria muito grande…Pelo menos até 27 de Setembro,e como já choraram nas Europeias,chorarão ainda mais e depois dia 11 de Outubro,vão para as Berlengas porque não há espaço político para aquela gente.Não são direita,isso está claro…puuuuuxa….Centro é virtude diria a Alorna, portanto seria para rir e esquerda só se fôr o volante dos Jaguar,Rolls e por aí fora,”putanto” ….olha…finalmente vamos descansar desta escumalha que desde o Glorioso 25 de Abril tem denegrido a liberdade de expressão,dos média,do povo e das Instituições do Estado.”Ganda chapadão”….

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *