José Paulo Fafe

E já lá vão três meses!

PASSOU-SE MAIS um mês (já vão três!) desde que a euro-deputada Ana Gomes lançou publicamente insinuações gravíssimas acerca de Paulo Portas, e continuamos sem saber se o agora chefe da diplomacia portuguesa, como prometeu na altura, já processou a antiga embaixadora de Portugal na Indonésia. Talvez não fosse má-ideia esclarecer…

4 ComentáriosDeixe um comentário

  • Paulo Portas anda muito esquecido e nós votantes no CDS, no meu caso desde 1979, estamos muito desiludidos com ele.
    Durante longos 6 anos não se calou com as reformas necessárias na Justiça, no facto de os Polícias prenderem marginais e os Juízes os meterem na rua em menos de 24h. Da Agricultura nem se fala. Educação…e estaria aqui a manhã toda.
    Tinha razão em tudo, o problema é que a sua coligação em que tem o poder imenso ao ser o número dois da mesma e de que Passos nada pode sem o “ámen” dele, nada fez.
    Nem aí nem em lado nenhum. Nunca vi um Governo que tão rapidamente perdesse o “estado de graça”. Sócrates teve-o durante 5 anos.
    A política do Ministro das Finanças deve ter sido desenhada pelos Salgados da vida pois os apoios vão para a Banca, depois para a Banca e depois então….para a Banca.
    Os Amorins da vida devem fortunas ao BPN mas dizem que não e pronto. Fica tudo bem. Eu estou a pensar em ir ao meu Banco e dizer: “olhe, eu não vos devo nada!!!pronto”. E fica assim saldada a dívida.
    Faz lembrar a do filho do Jardim Gonçalves no BCP. Creio que eram “só” 14 milhões de euros até que foram descobertos por burla, entre muitas e depois acabaram todos com os ossos em….Belêm!!!!!Para a festa da posse do nosso novo Presidente…Aquele querido que nasceu só uma vez e é mais honesto que todos os mortais comuns que tínhamos que nascer duas, para ser tão honesto como ele. O das permutas no Algarve em que foram dadas às Finanças valores de casas que nunca tinham sido construídas para valorizar “a coisa”. O da compra e venda de acções no BPN por números milagrosos. O da honestidade sem limites. Os amigos então, nem se fala. Tudo gente “bem”.
    Fico tão transtornada com este gentalha que me esqueço do amigo, de longa data, Portas.
    Portas tem vários problemas, não aceitar que os gays se possam casar, ser Presidente do partido mais homofóbico do leque político Português, e dos amigos que tem que falam demasiado, entre outros.
    Ana Gomes tem só um: o cérebro.
    Paulo tem medo do que possa acontecer em tribunal e de que provavelmente pessoas com quem teve relações são de esquerda e estariam todos lá a confirmar as mesmas.
    Não havia problema nenhum em reconhecer o que Portugal inteiro sabe e não se importa se Paulo não fosse presidente do único partido que não devia ser, pela pessoa que é.
    Faz o que digo não o que faço, será a máxima.
    Querido ZPF, podes esperar sentado que a Gomes nunca irá a lado nenhum explicar-se porque Paulo nunca fará nada. Cão que ladra….

  • Quem tem de processar PP (Paulo Portas) e PC (Passos Coelho) são o votantes enganados, por vicio na formação da vontade.

    Com efeito, ocorreu uma representação inexacta de facto que foi determinante na decisão de votar nesses senhores.
    Na verdade, as promessas eleitorais apresentadas por esses senhores são muito diferentes das suas acções concretizadas. Ou seja, faltaram à verdade (leia-se, MENTIRAM).

    É certo que os políticos são, tendencialmente, irresponsáveis pelos actos políticos (apesar de mentirosos). Mas, nem por isso deixa de estar errado.

  • Se calhar ainda não arranjou advogado, coitado… Porque é que ele não pede ao amigo Braga Gonçalves? Se calhar até levava uma “borla”…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *