José Paulo Fafe

Dupond et Dupont, por Luis Menezes Leitão

UMA INTERESSANTE análise sobre a estratégia de António Costa, assinada hoje no jornal “i” por Luís Menezes Leitão. A ler, ou melhor, a não perder:
É manifesto que António Costa pretende constituir um governo de bloco central com um PSD liderado por Rui Rio, o que lhe daria sempre a maioria absoluta, por muito maus que fossem os resultados eleitorais dos dois partidos. A contrapartida poderia ser o apoio do PS à candidatura presidencial de Rio, agora que estão frustradas as ambições de Sócrates, logo que se saiba que Guterres não avança e que Vitorino nunca deixará de ser a D. Constança. 
Até lá Costa continuará a namorar partidos e candidatos de esquerda folclórica para compor o ramalhete, mas no fim será com Rio que combinará o seu governo. 
Esta estratégia pressupõe, porém, duas coisas: que Costa ganhe as eleições no país e que Rio ganhe a seguir as eleições no PSD. E as últimas sondagens demonstram que qualquer destes pressupostos está muito longe de estar garantido. Mas como não se deve deixar que a realidade estrague uma boa ideia, Costa e Rio já apareceram alinhados a ressuscitar o cadáver político da regionalização. Pareciam Dupond e Dupont. Costa disse que o país precisava da regionalização e Rio disse mais, que a regionalização era o abanão de que o país precisava. 
Mas a verdade é que o país precisa tanto de se regionalizar como um peixe precisa de uma bicicleta. E de abanões como o que sofremos em 2011 já está o país farto. Os portugueses precisam que os impostos sejam reduzidos e não que se criem estruturas inúteis para albergar políticos. Estes dois podem andar juntos, mas duvido que cheguem a algum lado“.

1 comentárioDeixe um comentário

  • Amigo ZPF
    Depois do exemplo de Açores e Madeira,no nosso País, e dos escândalos nas Regiões Autónomas espanholas esses dois senhores deviam estar calados nesse sentido.
    Fico até estupefacto com Rui Rio.
    De Costa espero qualquer coisa pois é e sempre será o número dois do regime ditatorial de Sócrates e mesmo sabendo todos os envolvimentos do chefe no Freeport,face oculta etc etc nunca se desmarcou do mesmo,mais, agora depois de preso por ladrão e corrupto,foi visitá-lo.
    Tem uma atenuante,é ser precisamente o número dois do outro e não ter saída possível que já no caso de Alegre é algo revoltante.Saber o que Sócrates disse e fez a Alegre e depois o poeta ir visitá-lo,revolta os estômagos de qualquer pessoa de bem.Até Mário Soares estremeceu nessa noite de derrota eleitoral quando o capo lhe disse algo como isto “esmagámos o cabrão,hein?” em que o ex-PR respondeu “óh Socrates,não gosto de ouvir isso assim”.(Sócrates bebia champanhe por Soares ter tirado os votos suficientes a Alegre para que Cavaco pudesse ganhar,ou nunca o teria feito)Isto foi comentado pelo mesmíssimo Soares!!!!!!!
    Claro que tudo tem uma razão e eu já descobri qual a razão das visitas de Alegre ao “amigo” Sousa,é que todas as dívidas que Alegre tinha aquando da derrota nas presidenciais,foi Sócrates que pagou com dinheiro do Partido!!!(o que é a mesma que dizer que com dinheiro dos contribuintes pois por cada voto o Estado,nós,damos aos Partidos 3 euros!!!Por isso eu voto em Branco!) E eram milhares de euros.Uns 300 mil mais ou menos(que se saiba).
    Não sou eu que o digo.É oficial!!!
    Voltando ao que interessa,todos sabemos que quanto mais autonomia as regiões têm mais corrupção há.
    A família Pojol deu bom exemplo disso.Dizem no Reino que os roubos podem chegar aos 3 mil milhões de euros.Pai,mulher e TODOS os 7 ou 8 filhos que têm,roubaram,usaram o poder para cobrar comissões,corromperam-se.
    Na Andaluzia o ex-Presidente Socialista,Manuel Chávez(deve ser do nome) está “imputado”,como dizem eles,no maior caso de corrupção jamais visto em Espanha.Ele e todos os que fizeram parte do seu Governo regional.
    Recebiam milhões de euros todos os anos da UE para cursos dados pelo fundo de desemprego e ficavam com o dinheiro.Como se fez em Portugal só que em Espanha existe algo que em Portugal nem se sabe o que é,Justiça!!(basta ver o que se passa com a família real para se entender isso).
    Por associação de ideias lembrei-me hoje de uma notícia que dizia que Soares tinha descoberto uma virtude em Cavaco.
    Uma virtude????Pensei eu.
    Não pode ser….
    Realmente só mesmo Soares para descobrir o impossível.

    http://expresso.sapo.pt/soares-diz-que-cavaco-foi-salazarista-convicto=f907161

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *