José Paulo Fafe

De Espanha para Angola rapidamente e em força



AO COMENTAR a notícia que Angola teria acabado de adquirir a Espanha o porta-aviões “Principe das Astúrias” e tornar-se assim no único país africano a contar com um equipamento naval deste tipo (com tudo o que isso implica…), um amigo que alia uma perspicácia notável a uma memória ímpar, recordava-me que “o Kissinger dizia que quando os Estados Unidos queriam resolver uma crise, mandavam um porta-aviões…“. É preciso dizer mais alguma coisa?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *