José Paulo Fafe

Contorcionismo ou falta de vergonha?


CURIOSAMENTE, POUCOS  dias após Pedro Santana Lopes ter revelado no seu livro “Pecado Original” que Paulo Portas, apesar de então integrar o governo e já ser líder do CDS foi um dos que, em 2004, mais pressionaram Jorge Sampaio para que este dissolvesse o parlamento, o “Expresso” coloca online esta curta mas significativa notícia: “O ministro Paulo Portas fará uma declaração no domingo à tarde, para comentar as medidas hoje anunciadas pelo primeiro-ministro Pedro Passos Coelho. Segundo a “SIC Notícias”, o ministro dos Negócios Estrangeiros e parceiro de coligação deste Governo, falará também ao país sobre o plano orçamental para 2014 e 2015. O CDS não fez ainda qualquer comentário aos cortes hoje divulgados pelo chefe do Governo”. Como obviamente ninguém acredita que o líder do segundo partido da coligação esteja “a leste” do mais recente pacote de medidas restritivas anunciadas pelo primeiro-ministro nem do plano orçamental, aguarda-se mais uma caricata e penosa cena de cinismo e hipocrisia de alguém que possui uma irresistível tentação para os “números” na política. Já não há pachorra…

6 ComentáriosDeixe um comentário

  • O melhor é arranjarem-lhe um lugar de comentador político ao lado do senhor Sousa, acho que ambos se entenderiam muito bem…

  • Dr. Fafe
    Não só pelo facto de Santana Lopes ter escrito no livro a traição passa a ser verdadeira.
    São preciso provas ou então está a cair no que Sampaio caiu, na intriga baixa e vil que fez cair o Governo de então sem provas ele também de que o que lhe traziam aos ouvidos era ou não verdade.
    Quem disse ao Dr.Pedro que o Dr. Paulo o traiu?
    Ele mesmo?
    Ou alguma alma venenosa daquelas que Santana Lopes adora ter à volta e que afastam os amigos verdadeiros?
    Não conheço os factos e é por isso que invoco as provas.
    Quem disse, como e confirmação de tamanha acusação.
    Afinal Pedro Santana Lopes foi vítima do mesmo que está a despontar agora num livro…
    Pense nisso.
    Mafalda

  • D. Mafalda,

    Agradeço o seu comentário. E a propósito do mesmo, não resisto a confessar-lhe que conhecendo os dois – um melhor que outro, é verdade – também conheço o suficiente de ambos e do seu comportamento no dia a dia para não ter qualquer dúvida em afirmar que não existe comparação possível quanto à seriedade de um e de outro. De forma bem mais clara e muito directa: se ao dr. Santana Lopes o tenho como um homem que não mente e tem um postura irrepreensível no que diz respeito ao seu comportamento ético-moral na política, o mesmo não poderei dizer do dr. Portas. E acredite que sei perfeitamente do que falo…
    Cumprimentos,
    ZPF

  • Dr.Fafe
    Obrigada pela sua resposta mas sabe que neste mundo da política, nós povo, que não conhecemos ninguém a fundo,pois parecem ser uma coisa e depois são outra, é sempre bom ter as provas do que se diz pois se os mais chegados sabem que eles não mentem, os de fora não sabemos.
    Nunca duvidei da integridade de Pedro Santana Lopes como político e sigo-o de perto há décadas.
    Votei nele e fiquei chocada com o golpe baixo que o PSD lhe deu de mãos dadas com Sampaio. Do mais baixo que vi em 40 anos de democracia.
    Por isso mesmo não quero que digam que ele mente ou levanta suspeitas infundadas. Espero que entenda isso.Já é hora de se porem os pontos nos “is” e de se darem a conhecer aos portugueses quem é quem. Foi essa a razão do meu comentário. Nunca para atacar o Dr. Santana Lopes por quem tenho extrema simpatia. Já bastam as pessoas que à sua volta denigrem enormemente a sua imagem. Obrigada

  • O melhor é arranjarem-lhe um lugar de comentador político ao lado do senhor Sousa, do senhor Mendes, do senhor Lopes, do senhor R. de Sousa e da senhora Leite! acho que todos se entenderiam muito bem…

    Será que faltam algum???

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *