José Paulo Fafe

Cabotinismo televisivo


QUEM QUISER ficar definitivamente deprimido logo de manhã, basta ligar a televisão na TVI24 e assistir, nem que seja por dois ou três minutos, a um inenarrável programa intitulado “Discurso Directo” e onde a jornalista Paula Magalhães consegue pôr o mais calmo dos telespectadores à beira de um ataque de nervos. É que é difícil proferir comentários e apartes mais idiotas, deitar boca-fora opiniões mais disparatadas e, no fim de tudo, pensar-se ainda que somos engraçadinhos. O cabotinismo é de tal ordem, que nem vontade de rir dá – apetece mesmo chorar…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *