José Paulo Fafe

Bem haja!

APESAR DO empenho de muitos dos amigos do saudoso Fausto Correia, a Câmara Municipal de Lisboa nunca deu qualquer passo no sentido de homenagear este destacado dirigente socialista e que, enquanto secretário de Estado da Administração Pública dos governos de António Guterres, foi o principal responsável pela criação do conceito da “Loja do Cidadão”, a primeira das quais a funcionar na capital, junto à Estrada da Luz. Todas as iniciativas e sugestões que foram feitas nos últimos dois anos aos executivos liderados por António Costa esbarraram na indiferença ou no esquecimento de quem possuia – mais do que ninguém! – o dever e a obrigação de encontrar uma forma digna de perpetuar o nome de quem foi o paradigma de homem bom e generoso.
Passados mais de dois anos sobre a sua morte e perante a inércia mostrada pelos “consulados” de Costa, teve de ser Pedro Santana Lopes a tomar agora a iniciativa de propor a atribuição do nome de uma artéria da capital a Fausto Correia… Uma proposta que vai ser votada na próxima reunião do executivo camarário e que exemplifica bem como é possível fazer políitica com sentimento, urbanidade e gratidão. Bem haja!

1 comentárioDeixe um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *