José Paulo Fafe

Arlindo Carvalho


APENAS CONHECI Arlindo Carvalho na RDP durante a sua segunda passagem pela presidência daquela casa, já em meados dos anos 90. Dele guardo a imagem de um homem de bem, sério, íntegro, respeitador da palavra dada e com um especial dom para promover e encontrar consensos. Há algumas semanas – e já não o encontrava há bastante tempo – tive o gosto de almoçar com ele e obviamente ouvi-lo sobre o caso que hoje é notícia em tudo o que é jornal. E esse encontro e essa conversa tiveram o condão de, entre outras coisas, eu não alterar num milímetro a ideia e a imagem que sempre tive de Arlindo Carvalho. Ponto final.

6 ComentáriosDeixe um comentário

  • Os meus parabéns pelo seu curto mas corajoso texto. Não é normal vir a público defender-se quem está na linha de fogo como é o caso de Arlindo de Carvalho. Não o conheço nem sei ao certo do que é acusado, mas admiro a forma como o elogia. Fica-lhe bem.

  • Os meus parabéns pela sua atitude, porque o mais fácil é fingir que não conhecemos os que estão na mó de baixo ou calcarmos para se afundarem mais. Também não conheço o Doutor Arlindo Cunha mas infelizmente meteu-se com as pessoas erradas, pelos vistos o antigo Conselheiro de Estado, também tão comentado não faz parte do lote. Estranha justiça a deste País.

  • É assim a vida, há algum tempo, estive num evento onde também estava o Dr. Dias Loureiro e fiquei com uma óptima impressão dele!

    Há coisas difícil de compreender, de eu compreender, claro, porque será que muitos dos “homens” do Cavaco Silva estão metidos em embrulhadas?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *