José Paulo Fafe

A influência de Sócrates segundo um tal Figueiredo…


NÃO SEI ao certo quem é o deputado socialista André Figueiredo, embora presuma que seja o mesmo André Figueiredo que foi em tempos chefe de gabinete de José Socrates, salvo erro no Largo do Rato. Tão-pouco sei se é alto ou baixo magro ou gordo; louro, moreno ou careca ou se tem olhos castanhos, azuis ou verdes. O que sim sei é que o homem é aquilo que vulgarmente se denomina como “ganda ponto”. Só assim se entende esta declaração que passará a fazer parte do anedotário político-nacional: “Desde o momento em que José Sócrates começou a fazer comentários televisivos começaram ministros a cair, secretários de Estado a tombar e a coligação a ruir“…
O que vale é que no meio desta tristeza toda ainda há quem nos ponha a rir à gargalhada!  Obrigado André…

2 ComentáriosDeixe um comentário

  • Amigo ZPF
    Durante a ditadura Sócrates recebi muitos telefonemas anónimos pois falava,como sempre faço sem problemas, das verdades óbvias.
    Eram as mesmas como um bálsamo para escrever ainda mais sobre maior perigoso embuste político desde 1910.
    Hoje em dia não falo desse tipo pois não acompanho nada do que faz.
    Nunca vi um único comentário da RTP, aliás porque nunca vejo RTP1.
    Ás vezes sem querer leio algumas baboseira que vomita ao Domingo depois de um bom jantar pago pelos nossos bolsos e só penso que seria tudo isto inimaginável em qualquer País de dignidade mínima.
    Um homem que devia estar sentado no banco dos réus, passeia-se alegremente pelas televisões estatais, pagas por nós……
    Por falar em dignidade….
    Como é possível que o Tribunal Constitucional tenha até ao dia 4 de Setembro para decidir se a lei da limitação de mandatos é clara ou não?
    Se não fosse clara teria secções.
    “A lei diz que…blablabla com a excepções de: mudar de câmara etc etc etc”.
    Ora a lei não tem excepções algumas.
    A lei diz que nenhum autarca ou Presidente de Freguesia pode recandidatar-se mais que 3 vezes seguidas. Ponto final parágrafo.
    Isso aos olhos de qualquer pessoa normal quer dizer que para todos e para qualquer lugar do território nacional. Hello?????
    Se assim não fosse nem faria sentido alguêm ter criado a mesma.
    Já agora podíamos pedir a Cavaco que mude de residência para a “República do Funchal” e se recandidate.
    Just in case….talvez pegasse,sei lá……

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *